25 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Ocorrência

146 pessoas estão desalojadas em Santa Catarina em função das chuvas

Pontes tiveram as cabeceiras comprometidas e vias estão interditadas. Imagem: Defesa Civil Municipal de Sombrio.

Outras 63 pessoas estão desabrigadas no Sul do Estado e diversas comunidades isoladas

Segundo informações da Coordenadoria Regional da Defesa Civil Estadual de Araranguá, seis municípios no Extremo Sul catarinense contabilizam prejuízos pelas chuvas. Até o momento 146 pessoas estão desalojadas e outras 63 desabrigadas.

Em São João do Sul as aulas foram suspensas e 142 pessoas então desalojadas. De acordo com as informações repassadas dez comunidades estão isoladas e 40 residências foram atingidas. A Rodovia SC 290 precisou ser interditada no Km 5.3em função da água sobre a pista. Foram emitidos alertas para os moradores das comunidades de Barrinha, Passo Magnus e Poço Negro deixem as residências e procurem locais seguros. As estradas do município foram duramente atingidas com alagamentos, aberturas de crateras e pontes tiveram as cabeceiras comprometidas. Um abrigo foi aberto e o nível do Rio Sertão continua subindo.

 

No município de Araranguá 44 pessoas estão desabrigadas e 15 vias interditadas. Um abrigo foi aberto no Ginásio de Esportes Padre Ézio Jully. Os bairros Centro, Barranca, Baixadinha, Polícia Rodoviária, Santa Catarina e Operária estão com pontos de alagamento.

Ponte interditada em Jacinto Mchado. Imagem: Prefeitura Municipal.

Em Sombrio 19 pessoas estão desabrigadas. Alagamentos provocaram o fechamento das estradas Geral Sanga Negra, Geral Garuva e do Morro da Canoa. O salão paroquial do centro está sendo usado como abrigo municipal.

Pontes tiveram as cabeceiras comprometidas e vias estão interditadas. Imagem: Defesa Civil Municipal de Sombrio.

Na cidade de Jacinto Machado quatro pessoas estão desalojadas e um abrigo municipal foi montado no centro de convivência da terceira idade. Alagamentos foram registrados nas comunidades Cotovelo, Araçá, Figueira, Bela Vista, Engenho Velho, Serra da Pedra, Água Branca e Pinheirinhos. O Rio da Pedra está acima do nível e sendo monitorado.

No município de Meleiro cinco comunidades estão isoladas totalizando 662 pessoas. São elas: Cedro, Jacaré, Tranqueiras, Rio Cedro Baixo, Forquilha Rocha e SC447. Em outras dez localidades estradas e vias estão interditadas.

Já em Praia Grande, as comunidades de Passo Fundo, Mãe Homens, Pedra Branca estão isoladas e diversas vias do município estão fechadas deviso a água na pista.

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência