7 de agosto de 2022
TV Barriga Verde
Cotidiano

21º Mostra de Cinema Infantil será realizada em Florianópolis

A 21º edição da Mostra de Cinema Infantil está de volta em seu formato presencial, após dois anos de edições online. Transformando a cidade de Florianópolis na Capital nacional do cinema infantil, a mostra começa no dia 8 de outubro, e se estende até o dia 22, do mesmo mês.

Foram selecionados 227 filmes inscritos para a mostra. Dentre eles, 77 são curtas-metragens, 11 curtas e outros 14 filmes são internacionais, de países como França, Colômbia, Índia e Irã. Destaque para as produções de São Paulo, com 16 filmes; de Santa Catarina, com 11 curtas-metragens; e de Minas Gerais, com oito filmes selecionados.

“Santa Catarina surpreendeu tanto nas inscrições, foi o segundo estado que mais submeteu filmes, quanto na seleção, pelo número de produções escolhidas para estar na 21 ª edição”, considera Luiza Lins, diretora da Mostra e curadora, ao lado de Gilka Girardello e Melina Curi.

Animações e protagonismo infantil

A produção intensiva de animação vinda dos últimos anos, em decorrência da tecnologia mais acessível e realizadores em condição de pandemia, refletiu na seleção de filmes para a 21ª Mostra. Dos 77 curtas selecionados, 46 são animações.

“Além do aprimoramento da técnica e da linguagem, esses filmes trazem valores da cultura nacional de vários cantos e representam a diversidade étnica do país”, afirma Melina Curi.

Outro ponto destacado pela curadora foi o número relevante de documentários e filmes resultantes de projetos realizados com crianças. “Se observa que há um estímulo audiovisual presente nas escolas e projetos educativos, tentando se aproximar do olhar da criança”, relata Melina.

Confira a lista completa dos filmes da mostra:

Nacionais

  • A Caverna de Petra – Crescer ou não crescer? Eis a questão! (Tom Gitahy e Rica Saito, RJ, ficção, 2021, 18 min e 44 seg);
  • A Inacreditável História do Milho Gigante (Aldenor Pimentel, RO, animação, 2021, 05 min e 06 seg);
  • A Menina Atrás do Espelho (Iuri Moreno, GO, animação, 2022, 12 min e 05 seg);
  • A Primeira Perda da Minha Vida (João Victor Boechat Gomide, MG, animação, 2022, 16 min);
  • Aberlardooo, é hora de brincar (Maurício Roberto da Silva, SC, animação, 2021, 08 min e 40 seg);
  • Ana Bolinha (Thiago Calçado, SC, animação, 2022, 07 min);
  • Aquarelado (Elisa Guimarães, MG, animação, 2022, 03 min e 07 seg);
  • Assum Preto (Bako Machado, PE, animação, 2020, 03 min e 10 seg);
  • Bola da vez (Elder Patrick, GO, ficção, 2022, 16 min e 30 seg);
  • Capitão Tocha (Matheus Amorim, GO, ficção, 2022, 16 min);
  • Cem Pilum – A história do dilúvio (Thiago Morais, AM, animação 2022, 08 min e 27 seg);
  • Coelhitos e Gambazitas (Thomas Larson, SP, animação, 2022, 10 min e 26 seg);
  • Como levar meu avô pro céu (Wanderson Lana, MT, ficção, 2021, 09 min e 12 seg);
  • Cósmica (Ana Bárbara Ramos, PB, documentário, 2022, 07 min);
  • Crescer onde nasce o sol (Xulia Doxágui, PE, documentário, 2021, 12 min e 33 seg);
  • Dás um banho, Zé Perri! (Zé Dassilva, SC, ficção, 2022, 20 min e 50 seg);
  • Desventuras espaciais (Elisa Baasch e Filipe Cargnin, SC, animação, 2022, 08 min);
  • Discagem (Guilherme Gila, SP, animação, 2021, 04 min e 58 seg);
  • Entre muros (Gleison Mota, BA, ficção, 2021, 15 min);
  • Era uma vez em Icapuí (Alunos da rede municipal de ensino fundamental de Icapuí, CE, com orientação de
  • Analucia Godoi/Projeto Animação Ambiental, IMA/ES, CE, animação, 2021, 10 min e 23 seg);
  • Faísca (Luca Tarti, Paulo Lima, SP, animação, 2021, 05 min);
  • Fiapo de infinito (Jackson Abacatu, MG, animação, 2022, 01 min e 14 seg);
  • Garotas espertas – Ketherine (Ananda Guimarães, AM, ficção, 2021, 05 min e 22 seg);
  • Histórias de criança: O pirata Chulé e o jogo do tesouro (Héder Dias Godinho, MG, animação, 2019, 05 min);
  • Ibeji Ibeji (Victor Rodrigues, RJ, ficção, 2021, 19 min e 59 seg);
  • Inventário dos pequenos futuristas (Igor Amin, MG, documentário, 2022, 16 min e 16 seg);
  • João no reino de papelão (Rodrigo Vulcano e Lucas Lima, SP, animação, 2021, 16 min e 15 seg);
  • Kuri ha Akae Ovy – A araucária e a gralha azul (Izabel Tiemi e Giovani T. Viecili, PR, animação, 2022, 16 min);
  • Lucy solta os bichos (Sergio Martinelli e Billy Fernandes, SP, animação, 2022, 12 min e 21 seg);
  • Meu nome é Maalum (Luísa Copetti, RJ, animação, 2021, 07 min e 53 seg);
  • Min e as mãozinhas – Cores sumiram (Paulo Henrique Silva Rodrigues dos Santos, SC, animação, 20218, 06 min e 49 seg);
  • Nem todas as manhãs são iguais (Fabi Melo, PB, ficção, 2022, 18 min e 26 seg);
  • O acordeonista (Guilherme Dimov e Marcelo Pitel, SP, animação, 2022, 02 min e 17 seg);
  • O fundo dos nossos corações (Letícia Leão, RJ, ficção, 2021, 20 min);
  • O imaginário de Sofia e Pudim (Rebeca Casagrande e Fabio Medeiros, SP, ficção, 2020, 14 min e 53 seg);
  • O monstro do Pântano do Sul (Marko Martinz, SC, ficção, 2022, 16 min e 44 seg);
  • O mundo de Diego (Ricardo Rodrigues, SP, animação, 2022, 10 min e 51 seg);
  • O templo do rei (Verônica Cabral, SP, animação, 2021, 05 min e 07 seg);
  • Olha a bruxaria – Um conto de Santa Catarina (André Luiz Nunes da Silva, SC, experimental, 2022, 13 min e 42 seg);
  • Os bastidores de Renata e os Monstros: Valentina (Rita de Cácia Oenning da Silva e Kurt Shaw, SC, documentário, 2022, 05 min);
  • Os carabão – Fake news (Felipe Yonekawa, SC, animação, 2018, 03 min);
  • Palmilha (Anderson Lima, MG, ficção, 2018, 10 min);
  • Para não esquecer a guerra (Marcia Paraiso, SC, documentário, 2022, 31 min);
  • Partícula de vida (Jackson Abacatu, MG, animação, 2022, 01 min e 15 seg);
  • Pequenos pensantes (Fernando Galeane, SP, experimental, 2021, 02 min);
  • Por dentro das árvores (Francisco de Paula, SP, animação, 2022, 03 min e 57 seg);
  • Praia do Jambre (Maria Alice Carvalho e Netto Dugon, PA, documentário, 2019, 03 min e 54 seg);
  • Princesa Pantaneira responde: cinema? (Constantina Xavier Filha (Tina Xavier), MS, animação, 2020, 09 min e 30 seg);
  • Roda de todo canto (Marcio Araujo, SP, ficção, 2022, 07 min);
  • Rua Dinorá (Natália Maia e Samuel Brasileiro, CE, ficção, 2021, 17 min e 11 seg);
  • Sobre amizade e bicicletas (Julia Vidal, PR, ficção, 2022, 19 min e 35 seg);
  • Tatá e os amigos do cerrado (Julio Quinan e Ricardo Gonçalves, GO, animação, 2020, 08n min e 20 seg);
  • Tem boi na trilha (Libertu, SC, ficção, 2022, 18 min e 23 seg);
  • Teo, o menino azul (Hygor Amorim, SP, animação, 2022, 10 min e 10 seg);
  • Tesouro quilombola (Ana Bárbara Ramos e Felipe Barquete, PB, documentário, 2021, 23 min);
  • Toda Menina Baiana (Cecília Amado, BA, documentário, 2021, 24 min e 23 seg);
  • Tig e Papy – O café da manhã (Sergio Martinelli, SP, animação 2021, 08 min e 20 seg);
  • Todos os Inscritos de Ness (Bruna Steudel, PR, ficção, 2022, 18 min 32 seg);
  • Tom-Tom dente de leão (Ariédhine Carvalho, SP, animação, 2021, 02 min e 31 seg);
  • Tradicional família moderna (Giuliana Danza, Mg, animação 2022, 03 min e 33 seg);
  • Uma fazenda perdida no mar (Chico Caprario, SC, documentário, 2022, 14 min e 54 seg);
  • Yasmin (Ludmila Curi, RJ, documentário, 2022, 06 min e 40 seg).

Internacionais

  • Cowboy Kevin (Anna Lund Konnerup, França, animação, 2022, 06 min e 25 seg);
  • I’m not afraid! (Marita Mayer, Alemanha e Noruega, animação, 2022, 07 mn e 02 seg);
  • Luce and the Rock (Britt Raes, Bélgica e Holanda, animação, 2022, 12 min e 59 seg);
  • Mist (Leonardo Romero Zarza, Colombia, animação, 2021, 10 min e 26 seg);
  • Mooozart (Piero Tonin Itália, animação, 2021, 11 min);
  • Moules-Frites (Nicolas HU, França, animação, 2021, 26 min);
  • Neu/ Snow (Marta González De La Vega, Espanha, ficção, 2022, 15 min);
  • Pichintún: Fabricio, un niño kallawaya (Karen Garib, Chile, documentário, 2022, 07 min 48 seg);
  • Pim & Pom at the Museum – The Big City (Gioia Smid, Holanda, animação, 2021, 05 min);
  • Something Black (Reyhane Kavosh e Ali Raeis, Irã, animação, 2022, 07 min 07 seg);
  • Spirit of the Forest (Nandini Rao, Nirupa Rao e Kalp Sanghvi, India, animação, 2022, 06 min 51 seg);
  • The most boring Granny in the whole world (Damaris Zielke, Alemanha, animação, 2022, 07 min 02 seg);
  • Vent d’Hiver (Jeremy Andriambolisoa, Théo Duhautois, Quentin Wittevrongel, Alicia Massez, William Ghyselen,
  • Thomas Dell’Isola, França, animação, 2021, 04 min 27 seg);
  • With a Wool Ball (Belén Ricardes, Argentina, animação, 2022, 04 min e 31 seg).

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Política

Cotidiano

Cotidiano