27 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Esportes

Avaí F.C. entra com pedido de recuperação judicial 

Dívidas do clube de Florianópolis superam R$ 107 milhões

Um dia após sofrer goleada por 4 a 1 para o Guarani, o Avaí protocolou um pedido de recuperação judicial junto ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), nesta segunda-feira (17). De acordo com a diretoria do clube, funcionários estão com salários em dia e dívidas estavam sendo pagas, mas juros altos levaram à decisão.

Dessa forma, uma assessoria jurídica e financeira foi contratada para viabilizar o processo judicial através de um plano de ação que deverá ser finalizado em até 60 dias. Caso seja aprovado, o Plano de Recuperação Judicial poderá ter validade de até dois anos para que o clube cumpra com todas as obrigações previstas.

“Avaliamos a situação a fundo e concluímos que essa era a melhor opção possível. Vamos honrar nossos compromissos”, disse o presidente do Avaí, Júlio Heerdt. Em vídeo divulgado pela assessoria avaiana, Heerdt afirma que a medida foi tomada para dar “segurança e igualdade aos credores, funcionários do clube e atletas”.

 

No fim de 2022, o Avaí implementou uma comissão temporária responsável por analisar as finanças do clube, nomeando oito conselheiros para essa avaliação. No relatório, do último mês de dezembro, foi identificado que, entre o déficit de R$ 107 milhões, as duas principais dívidas são de R$ 58,5 milhões, apontada na categoria “PROFUT e Outros Parcelamentos” e R$ 21,5 milhões em “Obrigações Trabalhistas, Sociais e Fiscais”.

Em resposta ao tempo necessário para quitar a dívida, o relatório apontava ainda que “se a situação atual persistir, provavelmente nunca. Independente do ano, da Série do brasileiro, da posição no Estadual de Clubes, da Administração, do time, do caixa disponível etc., o Passivo do Avaí só aumentou nos últimos 11 anos, sem o correspondente aumento do seu Ativo”.

Dos R$ 107,349 milhões apontados na dívida total, ainda foram excluídos mais de R$ 11 milhões, apontados pela comissão como valores que poderiam prescrever, totalizando R$118,7 milhões. Segundo estudo do auditor Giovanni Mattos, a dívida do clube saltou de R$45,8 milhões, em 2012, para R$118,7 milhões em 2022.

Membro da comissão avaliadora das finanças, Andrei Cota declarou, em relação a contratações para o elenco, que “há muito tempo o clube vinha utilizando de suas dívidas para fazer sua gestão financeira”.

No site do clube, foi publicado um FAQ (Frequently Asked Questions — sigla em inglês para “Perguntas Frequentes”) que visa responder as dúvidas do torcedor sobre o processo.

Confira o comunicado da diretoria do Avaí

Foto: Avaí F.C. / Divulgação

Esportes

Esportes

Esportes

Esportes

Esportes

Esportes