13 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Política

Brasil assume a presidência do Mercosul e defende maior integração entre países

Bloco formado por Brasil, Uruguai, Paraguai e Argentina pretende atrair mais membros

O Brasil assumirá a presidência do Mercosul durante a 62ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul nesta terça-feira (4) com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O país vai liderar o bloco pelos próximos seis meses.

O presidente brasileiro tem defendido maior integração entre os países sul-americanos e pretende atrair novos membros para o Mercosul, criado em 1991 e atualmente formado por Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. No entanto, um eventual retorno da Venezuela para o grupo não deve ser debatido neste encontro.

Um assunto que pede passagem e deve ser tratado como prioridade é o acordo bilateral entre Uruguai e China, assinado em janeiro, que surpreendeu os outros países do Mercosul e expôs divergências entre os membros do bloco. Durante a liderança, o governo brasileiro pode avançar com o acordo de livre comércio com a União Europeia (EU) que está parado há mais de 20 anos.

 

Fonte: Band
Foto: Reprodução