21 de abril de 2024
TV Barriga Verde
Cotidiano

Cenário de batalha histórica será restaurado no Oeste de Santa Catarina

Combate da Separação é marcado por fogo amigo de tropas legalistas que lutavam contra a Coluna Prestes

Um local que foi palco de uma batalha histórica do século passado recebeu um presente especial. No mês em que o Combate da Coluna Prestes completa 99 anos, o cenário do confronto foi contemplado com verbas oriundas do pagamento de multas aplicadas pela comarca de Dionísio Cerqueira, no Extremo Oeste de Santa Catarina.

A Associação Recreativa Cultural e de Assistência Social Nacional foi uma das 14 entidades beneficiadas com o montante de R$ 230,5 mil. Deste total, a Associação Nacional aplicará seus R$ 5 mil na limpeza e pintura do local, pintura em resina da cruz e limpeza de materiais coletados na região, oriundos dos combates travados na cidade, que faz divisa com o Paraná e a Argentina.

A memória remonta a data de 24 de março de 1925, quando tropas da força pública gaúcha, lideradas por Claudino Nunes, foram atacadas pelas tropas da força pública paulista, comandadas por Paim Filho. O embate ocorreu por acidente, uma vez que as tropas estavam do mesmo lado.

 

Entretanto, ao entardecer, os grupos não se reconheceram e, Paim, por acreditar que os oponentes pertenciam à Coluna Prestes, ordenou o “lançar fogo”, que resultou na morte de 200 soldados. Os corpos formaram um cemitério histórico.

O Combate de Separação, como ficou conhecido, ocorreu durante a passagem da Coluna Prestes pela região. Chefiado por Luís Carlos Prestes, o grupo viajava o Brasil para denunciar os desmandos dos oligarcas que dominavam a república brasileira. Na ocasião, em Dionísio Cerqueira, ao presenciar o combate alheio, Prestes fugiu do local.

Outros beneficiados

A Associação dos Artesãos da Trifronteira (ARTEFRON) foi agraciada com R$ 25 mil para realização de oficinas de pintura em tela, pintura em tecido, artes em biscuit, suvenirs, artes na cesta, danças típicas, marcenaria e outras. As aulas serão direcionadas para 99 pessoas como mulheres da comunidade local, vítimas de violência, adolescentes em conflito com a Lei que cumprem medida socioeducativa e usuários da política de Assistência Social do município. O objetivo é desenvolver o espírito de empreender, além da prevenção e enfrentamento à violência através dos encontros de trabalhos artesanal com qualidade.

Outro projeto contemplado foi o Samuzinho nas Escolas. O Fundo Municipal de Saúde de Dionísio Cerqueira recebeu R$ 16.585,00 para ampliar e disseminar conhecimento em primeiros socorros para alunos e profissionais da educação nas cidades gêmeas (Dionísio Cerqueira/SC e Barracão/PR). Todas as entidades beneficiadas têm o prazo de 60 dias para comprovar o uso dos valores, conforme projetos aprovados (Autos número 5002473-71.2023.8.24.0017).

 

Foto: Reprodução

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano