23 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Policial

Centro de reabilitação é investigado por suposta prática de tortura na região Sul

Foto: Divulgação/MPSC

Instituição oferece tratamento a pessoas com dependência química

Um centro de reabilitação psicossocial na cidade de Içara, no Sul de Santa Catarina, está sendo investigado pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) por possíveis ocorrências de crimes de lesão corporal, cárcere privado, tortura e outros praticados por administradores e seguranças.

A instituição, localizado na Linha Anta, no interior do município, oferece tratamento a pessoas com dependência química.

 

Uma operação foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (17) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), em apoio à 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Içara. Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão no âmbito da investigação.

O GAECO é uma força-tarefa composta, em Santa Catarina, pelo Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal, Receita Estadual e Corpo de Bombeiros Militar, e tem como finalidade a identificação, prevenção e repressão às organizações criminosas.