TVBV ONLINE Notícias Saúde Cuidados com o risco de transmissão de covid-19 nas festas de fim de...
Saúde

Cuidados com o risco de transmissão de covid-19 nas festas de fim de...

Como os testes rápidos e os autotestes podem ajudar na redução do contágio

O mês de dezembro representa para muitos um período de festas, confraternizações em família, no trabalho, com amigos e férias. Desde a chegada da covid-19, medidas de precaução são essenciais na hora dos tradicionais encontros de fim de ano. A atenção é para a proteção pessoal e o cuidado com o outro. Novas variantes e subvariantes circulam pelo país e o número de casos positivos para covid-19 voltou a subir neste mês de dezembro.

Durante a pandemia, o Brasil registrou em 2020, no período de 25/12 a 25/02, o número de 2,9 milhões de casos positivos de covid-19 e em 2021, no mesmo período, 6,4 milhões de casos positivos, ou seja, um aumento de 3,4 milhões de casos. Os dados são da Rede Análise (@redeanalise), formada por um grupo de 40 profissionais de diversas áreas que trabalha para disseminar informações científicas de enfrentamento à covid-19 em linguagem acessível e que virou referência para busca de informações sobre o assunto.

Conforme a pesquisadora que idealizou a Rede Análise, Dra. Mellanie Fontes Dutra – graduada em Biomedicina pela UFRGS, mestre e doutora em neurociência e pós-doutorado em bioquímica, nos últimos meses, tivemos registros da variante Ômicron como dominante no país. Agora temos as sublinhagens BA.1/BA.2, BA.4/BA.5 e o crescimento da BQ.1 e BQ.1.1.

 

“A recomendação é a testagem no menor sinal de sintomas gripais e estar com as doses das vacinas contra a covid-19 em dia, já que todas as vacinas atuais seguem protegendo contra a doença provocada pelas variantes em circulação. Para as confraternizações de fim de ano, a indicação é sempre pelos locais abertos”, alerta a pesquisadora.

Teste rápido

Os testes rápidos e autotestes também são formas de proteção e redução da transmissão do vírus causador da covid-19.  As farmácias oferecem 3 modalidades: o teste rápido – apenas de covid-19, o teste rápido combo que inclui covid-19 e influenza, e o autoteste de covid-19.

O teste rápido e o combo que inclui a influenza, detectam antígenos de covid-19, influenza A e influenza B, incluindo suas variantes, e o resultado sai em até 15 minutos. O teste rápido, feito por farmacêuticos nos consultórios dentro das filiais, é melhor detectável entre no período entre 24h e 7 dias após o início dos sintomas.

As filiais da São João oferecem a facilidade do horário estendido, atendimento aos finais de semana e agendamento do teste.

Autoteste

A tecnologia do autoteste é a mesma dos testes rápidos que são realizados nas farmácias, baseada na utilização de secreção coletada do nariz ou da boca (saliva), e pode detectar as proteínas (antígeno) do vírus causador da covid-19. Os kits são feitos para que os próprios usuários possam realizar a coleta da amostra e interpretação do resultado em casa.

“O autoteste serve como triagem, pois permite a identificação precoce e o isolamento de pessoas infectadas pela covid-19, já que as pessoas podem estar assintomáticas, pré-sintomáticas ou com apenas sintomas leves e estar transmitindo o vírus sem saber”, explica Roberto Canquerini.

A veracidade e segurança do resultado do autoteste depende muito da qualidade da coleta realizada.

Foto: Freepik/Reprodução

Sair da versão mobile