25 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Educação

Estudante catarinense participa de feira internacional de ciências nos EUA

Foto: Rede Social / @mostratecoficial

A estudante foi selecionada pelo desenvolvimento de um projeto medicinal com a goiaba-serrana.

Durante esta semana, está sendo realizada a Regeneron ISEF, a Feira Internacional de Ciência e Engenharia Regeneron, sediada no Los Angeles Convention Center. Um grupo de 12 estudantes brasileiros, previamente selecionados, chegaram a Los Angeles no último sábado (11) e estão engajados nas atividades do evento até sexta-feira (17).

A estudante de 18 anos, Eloise Antunes de Lima, da Escola Estadual Ruth Lebarbechon em Água Doce, Santa Catarina, ganhou destaque no campo da ciência com o projeto inovador, o Bio Guava. O estudo visa explorar o potencial medicinal da goiaba-serrana, uma fruta nativa do Sul do Brasil, na criação de uma tintura fitoterápica e pomada cicatrizante.

 

A jornada começou quando o projeto foi reconhecido na Feira Mostratec, realizada em outubro de 2023 em Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul. Sob a orientação da professora Janete Aparecida Rodrigues, Eloise apresentou resultados promissores no tratamento de feridas e problemas de pele com o projeto.

Competindo com mais de 800 projetos, a catarinense  conquistou o terceiro lugar na categoria Bioquímica, garantindo a vaga na International Science and Engineering Fair nos Estados Unidos.

Bandeira do Rio Grande do Sul

Os finalistas abriram uma bandeira do Rio Grande do Sul em sinal de apoio ao estado afetado pelas enchentes. A delegação brasileira que participa da Regeneron ISEF (Feira Internacional de Ciência e Engenharia) é composta por finalistas provenientes de sete estados do país: Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão, incluindo o Rio Grande do Sul.

> Siga nosso canal no WhatsApp e receba as notícias do TVBVonline em primeira mão

Três dos selecionados para representar o Brasil na Regeneron ISEF são do estado gaúcho. O estudante, Kauan Brasil Maia de Oliveira, participa com a Cadeira de Rodas Ergonômica para Cães Paraplégicos com Mecanismo para Repouso, desenvolvida na Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, sob a orientação de Lucas da Silva Gomes.

Já as estudantes, Giovana Bloedow Eggers e Luiza Da Luz Apollo, foram reconhecidas pela análise do caráter de fixação de CO2 atmosférico em colunas de água no litoral norte gaúcho, um estudo realizado pela mesma instituição e orientado por Ana Sofia Belloli Cardoso.

Foto: Rede Social / @mostratecoficial

 

Educação

Educação

Educação

Educação

Educação

Educação