21 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Turismo

Festa Nacional do Pinhão apresenta números positivos e movimenta a economia do município

Rede hoteleira com 100% de lotação, incremento de cerca de R$40 milhões no comércio local e movimentação de milhares de pessoas em eventos e passeios paralelos foram alguns saldos do evento

Segundo dados da Câmara de Dirigentes Lojistas de Lages (CDL), o comércio local teve um aumento de cerca de 30% nas vendas neste período, chegando a um incremento de R$30 a R$40 milhões na movimentação financeira das lojas. Muitos turistas procuraram acessórios e vestuários de inverno para se aquecer no frio serrano durante a festa. Os comerciantes aproveitaram o movimento, principalmente durante os finais de semana, para manter suas portas abertas por um maior período de tempo.

Um pedido concedido pelo prefeito em exercício, Juliano Polese, que é também o presidente da Comissão Organizadora do evento, estendeu a realização do Recanto do Pinhão por 24 dias, além dos tradicionais 17 dias, com o objetivo de atrair as pessoas para o Centro da cidade e assim movimentar a economia. Até o último final de semana de realização do Recanto, sábado (24), o comércio estará aberto até as 17h.

A rede hoteleira, de pousadas e hotéis fazenda também contou com saldo positivo neste período, uma das melhores épocas do ano para o setor, contando com 90% de lotação no primeiro final de semana e 100% no segundo. Hospedagens alternativas e particulares também foram bastante procuradas, devido à superlotação dos hotéis.

Eventos paralelos e passeios atraem ainda mais turistas

Além da 33ª Festa Nacional do Pinhão, que aconteceu no Parque de Exposições Conta Dinheiro, e do Recanto do Pinhão, no calçadão da Praça João Costa, eventos e passeios paralelos também chamaram a atenção de turistas e visitantes, que aproveitaram os momentos de lazer diurnos com a família e amigos.

Um exemplo foi a Cavalgada do Pinhão, que atraiu mais de 400 cavaleiros e tradicionalistas no primeiro final de semana do evento, com a participação de cidades como São Joaquim, Urupema, Painel, Capão Alto, Bom Retiro, Correia Pinto e Florianópolis. Algumas charretes e dois caminhões do CTG Anita Garibaldi e Planalto Lageano também desfilaram. Outras cavalgadas foram realizadas na Fazenda Pedras Brancas e na Coxilha Rica.

Outro grande sucesso foi o Passeio de Trem da Coxilha Rica, com a adesão de 1.800 passageiros em três dias (quinta, sexta e sábado), com todos os bilhetes vendidos. “Nossa preocupação sempre foi criar alternativas turísticas para os turistas além das festividades noturnas, mas que ele aproveite nossa região também durante o dia. Tivemos relatos da organização do passeio de trem que a maioria dos bilhetes foi adquirida por turistas. Essas atitudes divulgam nosso município que entra cada vez mais no roteiro turístico do Estado”, comenta o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Álvaro Mondadori (Joinha).

No Mercado Público de Lages, aconteceu a sexta edição da Stammtisch da Serra, especial Festa Nacional do Pinhão. O evento contou com a participação de oito cervejarias de Lages e região e a apresentação de bandas locais.

E pelo centro da cidade e principais ruas e avenidas percorria a Carreta da Alegria, com passeios recheados de personagens infantis, que fizeram a alegria da garotada.

Foto: DF7/Divulgação