25 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Economia

Gasolina está mais cara em Florianópolis em comparação ao último mês

Foto: Agência Brasil

Pesquisa de preços do Procon Municipal completa um ano

Os preços dos combustíveis estão mais caros neste mês de maio em Florianópolis. É o que aponta os resultados da pesquisa mensal realizada pelo Procon Municipal divulgados nesta sexta-feira (3). Os dados são referentes aos dias 2 e 3 de maio.

A pesquisa atual também marca o primeiro ano da série histórica da iniciativa. Segundo o órgão de defesa do consumidor, o valor médio de venda dos produtos ao longo destes 12 meses teve variação de R$ 0,35.

 

A Gasolina Comum, que em abril era encontrada por em média R$5,82, neste mês apresentou um aumento de R$0,35, custando agora R$6,17. Já a Gasolina Aditivada subiu R$0,34, indo de R$5,97 para R$6,31.

Em relação ao Etanol, o custo médio demonstrou uma alteração de R$0,26, passando de R$4,20 para R$4,46.

O valor médio do Diesel foi o único que se manteve sem alterações, na casa dos R$6,22.

Já o GNV teve um pequeno acréscimo de R$0,02, indo de R$4,95 para R$4,97.

> Siga nosso canal no WhatsApp e receba as notícias do TVBVonline em primeira mão

Alexandre Farias Luz, diretor do Procon da Capital, explica que diversos fatores têm contribuído para os recentes ajustes nos preços dos combustíveis. “O acréscimo é devido ao reajuste promovido pelas distribuidoras, que repassam os custos aos postos de abastecimento. Além disso, o aumento do custo de operação, incluindo despesas como aluguel e mão de obra, tem exercido pressão sobre os preços finais para os consumidores. Por fim, o encarecimento das importações de petróleo também tem sido apontado como um fator relevante nesse cenário, impactando diretamente nos valores dos combustíveis no mercado nacional, em virtude da importação de quase 30% do combustível consumido no Brasil”.

Monitoramento do preço dos combustíveis completa um ano

A pedido da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), o Procon Municipal de Florianópolis deu início em maio de 2023 à primeira etapa do acompanhamento de valores de combustíveis na Capital. Na ocasião, a operação denominada “Mutirão do Preço Justo” teve como objetivo verificar os preços praticados na venda final da gasolina e diesel, após o ajuste realizado pela Petrobras nos custos dos produtos.

Nesses últimos 12 meses, o preço dos combustíveis passou por diversas variações. No mesmo período do ano de 2023, a Gasolina Comum era comercializada por um valor médio de R$5,56 por litro, apontando uma mudança de R$0,61 no período de um ano. A Gasolina aditivada sofreu uma elevação semelhante de R$0,62, no ano anterior ela era encontrada por R$5,69. Enquanto o Diesel subiu R$0,58 passando de R$5,64 para R$6,22.

“Com esse monitoramento anual pudemos perceber o movimento que os preços dos combustíveis realizaram. Também fiscalizamos a construção dos valores de venda e ficamos cientes dos motivos pelos quais estão sendo praticados”, fala o secretário Municipal de Governo, André Alves.