14 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Ocorrência

MPSC apura suposta negligência em caso de criança que morreu de dengue

Menina de 4 anos foi liberada para voltar para casa nas três vezes que foi atendida

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) instaurou nessa segunda-feira (1º) um procedimento para apurar a suposta negligência no atendimento prestado pelo Pronto Atendimento de Barra Velha, no Litoral Norte do estado, a uma criança que teria falecido por dengue hemorrágica. A pequena Sofia, de apenas 4 anos de idade, teria sido atendida em três ocasiões na unidade e liberada para voltar para casa. Após a última consulta, ela faleceu devido a complicações associadas à doença.

A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Barra Velha solicitou que a Secretaria Municipal de Saúde envie, no prazo de 48 horas, cópias de toda documentação referente aos atendimentos prestados à criança e forneça nome e cargo dos profissionais responsáveis pelos atendimentos.

Confira na reportagem do SC Acontece