25 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Ocorrência

Nível do Guaíba está a 15 cm de alcançar novo recorde

Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini

Cheia estabilizou na marca de 5,20 metros na manhã desta terça

O Rio Grande do Sul não registrou chuvas significativas nas últimas 24 horas. Entretanto, o nível do Rio Guaíba se encontra a apenas 15 centímetros de bater o recorde de cheia atingido na semana passada, de 5,35 metros. De acordo com o laboratório de meteorologia MetSul, a última leitura retirada no Cais Mauá na manhã desta terça-feira (14) apresenta a cota de de 5,20 metros.

Segundo a Defesa Civil gaúcha, o Guaíba mostrou estabilidade nesta manhã, porém é esperado que ele volte a subir ao longo do dia devido à chegada do pico da cheia do Taquari. A possibilidade é de que o nível ultrapasse o pico do último dia 5 de maio.

 

Já a Lagoa dos Patos continua com níveis elevados, mas se observa um comportamento de estabilidade, tendendo para declínio lento dependendo da região. Entretanto, o vento vindo da direção Sul dificulta o escoamento da água para o oceano.

> Siga nosso canal no WhatsApp e receba as notícias do TVBVonline em primeira mão

A DC do Rio Grande do Sul acompanha a propagação das cheias na Região Hidrográfica do Guaíba. O rio Jacuí apresenta hoje um pequeno repique de cheia entre Dona Francisca e Rio Pardo. Enquanto isso, os rios Taquari e Caí mostram uma diminuição em seus níveis ao longo de seus percursos. Por outro lado, o rio dos Sinos está em elevação, e o rio Gravataí está seguindo o padrão do Guaíba.

Números da tragédia

Felizmente, o número de vítimas fatais da maior catástrofe climática do Rio Grande do Sul não subiu de 147 desde a manhã dessa segunda-feira (13). Entretanto, 125 pessoas seguem desaparecidas e 806 ficaram feridas.

Ao todo, 450 dos 497 municípios gaúchos foram afetados pelas chuvas e enchentes, o que resultou em 2,1 milhões de pessoas afetadas. Mais de 538,5 mil foram desalojadas e quase 77 mil estão em abrigos.

Até o momento, as forças que atuam nos resgates conseguiram recuperar 76,4 mil pessoas e 11 mil animais das enchentes.

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência

Ocorrência