23 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Policial

Polícia prende suspeito de vazar imagens do corpo de Marília Mendonça

Acusado também teria compartilhado imagens de Cristiano Araújo e Gabriel Diniz

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu nesta segunda-feira (17) um suspeito de compartilhar imagens dos corpos de Marília Mendonça, Cristiano Araújo e Gabriel Diniz. Em nota à Band, a prisão ocorreu na Operação Fenrir, com o objetivo de reprimir crimes praticados na internet.

A ação faz parte de uma investigação para identificar administradores de perfis que divulgaram as fotos e vídeos dos cantores sertanejos, mortos em acidentes de carro e avião. “As imagens foram obtidas de forma ilegal e distribuídas de forma indiscriminada na internet”, afirma a nota.

O homem preso tem 22 anos e teria utilizado o Twitter para difundir as imagens dos artistas. A Polícia Civil prendeu o homem por meio de determinação judicial, com um mandado de busca e apreensão contra o homem.

 

O advogado da família de Marília Mendonça, Robson Cunha, afirmou para a Band que a prisão não é do responsável pela captação inicial dos documentos da Polícia Civil de Minas Gerais.

“Isso reforça para todos aqueles que continuam retransmitindo as fotos que isso é crime e que a polícia está investigando essas práticas”, afirma. O crime de vilipêndio de cadáver pode gerar prisão de um a três anos e pagamento de multa, prevista no artigo 212 do Código Penal.

Fonte: Band

Foto: Redes Sociais/Reprodução

Policial

Policial

Policial

Policial

Policial

Policial