29 de maio de 2024
TVBV ONLINE
Cotidiano

População de Chapecó ultrapassa 250 mil habitantes, diz IBGE

Número informado é estimativa do que será divulgado no resultado definitivo do Censo de 2022

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apresentou nesta quarta-feira (17) dados preliminares do Censo Populacional 2022 em uma reunião na Prefeitura de Chapecó. Os resultados completos serão divulgados apenas no dia 28 de junho, porém, a equipe regional do IBGE compartilhou informações prévias no encontro com secretários municipais, diretores e representantes de entidades locais.

Segundo a coordenadora de área do IBGE em Chapecó, Cristiane Lazzarin, estima-se que a população da cidade fique entre 251 mil e 255 mil habitantes. O número final ainda não foi divulgado, pois faltam alguns cálculos para incluir os 4.160 imóveis permanentes ocupados que não puderam ser entrevistados, seja porque os moradores não foram encontrados ou recusaram-se a fornecer informações.

O consultor do IBGE de Chapecó, André Matias Fideles, explicou que o cálculo será feito levando em conta o número de imóveis em cada região do município e considerando a média de moradores por domicílio, que ficou em 2,72. Essa média diminuiu em relação a 2010, quando era de 3,1 moradores por domicílio. Fideles ressaltou que esse crescimento na população aumenta a demanda por habitação, serviços públicos, transporte e outros aspectos.

 

De acordo com as estimativas, Chapecó teve um crescimento maior entre 2010 e 2022 do que entre 2000 e 2010. Nos últimos 12 anos, a cidade ganhou cerca de 70 mil habitantes. No Censo de 2010, a população era de 183.530 pessoas, e de acordo com a estimativa com base no censo anterior, Chapecó teria 227,5 mil habitantes. No entanto, o número oficial ultrapassará a marca de 250 mil.

No total, Chapecó possui 101.803 domicílios, sendo que 6.422 estão vazios e 2.479 são de uso ocasional, como chácaras ou residências no centro e em condomínios na área rural. O Censo identificou 204 estabelecimentos de ensino, 344 estabelecimentos de saúde e 521 estabelecimentos religiosos na cidade. Além disso, estão em construção 2.569 unidades, entre prédios e casas, indicando o crescimento do município.

O Censo também apontou um envelhecimento na média de idade da população, que era de 27,1 anos em 2000, 30,8 anos em 2010 e agora é de 33,6 anos em 2022. Aproximadamente 4,89% da população tem mais de 69 anos. Outro dado relevante é que 53,3% da população utiliza automóvel como principal meio de transporte, seguido por 14,3% que utilizam motocicleta e 13,2% que usam ônibus.

Foto: Prefeitura de Chapecó / Reprodução

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano

Cotidiano