23 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Paulo Chagas

Programa de internação involuntária alcança resultados práticos em Chapecó

Prefeito João Rodrigues foi o primeiro no Estado a implantar o programa de internação involuntária / Foto: Ascom PMC

O prefeito João Rodrigues, de Chapecó, encaminha a forte possibilidade de reeleição. Apoiador incondicional do ex-presidente Jair Bolsonaro, ganha assim, a simpatia da maioria dos conservadores. Mas, o assunto principal, desta vez, é o trabalho feito no município, de resgate às pessoas em situação de rua, principalmente dos dependentes químicos. Esta semana, ouvi relatos emocionantes de jovens já recuperados durante conversa com o prefeito. São pais, inclusive. Não há como deixar de reconhecer o esforço, e o retorno à vida familiar e profissional dessas pessoas. Além da recuperação, elas são empregadas e passam também a fazer parte da equipe, para tirar mais e mais pessoas das ruas. Por falar nisso, o assunto em Santa Catarina não tem mais sido motivo de debate, nem mesmo na Alesc.

Fala da ex-senadora Ideli Salvatti repercute em Santa Catarina

Deputado Lucas Neves (Podemos) foi um dos que se manifestou com indignação / Foto: Bruno Collaço / Agência AL

O pronunciamento agressivo contra a imagem de Santa Catarina, feito pela ex-senadora Ideli Salvatti (PT), reverberou nas redes sociais. A indignação dos catarinenses foi imediata. No Parlamento, deputados ocuparam o mesmo espaço em tom de repúdio. Lucas Neves (Podemos) taxou de desprezível a fala de Ideli, ao participar de um evento em São Paulo. Não admite falar mal de um Estado que é referência para o Brasil. Para ele, ex-senadora demonstrou total ingratidão à Santa Catarina, que um dia lhe acolheu e lhe concedeu um mandato de senadora. Ideli afirmou que sofre muito com a violência e a discriminação por aqueles que pregam o ódio. Enfim, declarou que o estado abriga o maior número de células neonazistas do Brasil. Por sua vez, o deputado Marcius Machado também se mostrou consternado e indignado ao ouvir as palavras da ex-senadora. Ivanz Naatz também se pronunciou repudiando a postura de Ideli. Penso que não haverá retratação que possa reparar tal fala.

Jair Renan Bolsonaro no PL

O filho mais novo do ex-presidente Jair Bolsonaro anunciou a filiação no Partido Liberal (PL), e afirmou ser pré-candidato a vereador em Balneário Camboriú. Em foto ao lado do governador Jorginho Mello, ele teceu agradecimentos pela honra de poder fazer parte do time do PL em SC. “Ao povo catarinense: saibam que estou nessa guerra até depois do fim, por nossa liberdade”, declarou, com a ficha do partido na mão.

Farra do boi: legislação mais pesada

Quem promover e divulgar a farra do boi em Santa Catarina poderá ser multado em R$ 20 mil. É o que prevê um projeto de lei aprovado pelo Plenário da Alesc, que altera a legislação que proíbe a prática no estado. O texto também amplia R$ 1 mil para R$ 10 mil a penalidade para cada participante. Além disso, cria sanção de R$ 10 mil para aqueles que comercializarem e transportarem os ou cederem veículo e para quem disponibilizar espaço para realização da farra do boi. Todos os valores seriam dobrados em caso de reincidência. O texto depende de sanção do governador para virar lei.