13 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Fátima Guimarães

Quem tem medo da cultura? Confira os destaques da cultura catarinense

Para os joinvillenses e amantes da arte, o Instituto Internacional Juarez Machado é, hoje, o centro cultural mais ativo e com melhores condições de receber atividades gerais na área da cultura.

“Temos exposições de longa permanência de Juarez Machado e exposições temporárias de artistas convidados”, ressalta a consultora do Instituto, Eula Regina Maciel.

Em breve, Edson Machado, presidente da instituição, fará o lançamento do seu mais novo livro “Quem tem medo da Cultura”, que é uma compilação de textos escritos pelo autor e publicados em 5 décadas sobre a arte e a cultura de Santa Catarina.

Neste momento, está acontecendo a exposição de obras de arte da artista plástica e cineasta Lilly Motta, “Asseyez-Vous”.

Aeroportos e ferrovias

Santa Catarina continua sendo o destino mais desejado pelos turistas. Os números apontam um crescimento de 19% em relação ao mesmo período de 2022. Muitas são as opiniões, mas, para o governador Jorginho Mello, não há dúvidas de que esse desempenho vai continuar crescendo. “Com a Secretaria de Portos, Aeroportos e Ferrovias, estamos trabalhando para levantar o turismo e sanar os principais gargalos nesses equipamentos, além de regionalizar nossa aviação. Vamos conseguir alavancar ainda mais esses números”, destaca o governante.

Enquanto isso, cabe aos hotéis, restaurantes e espaços de entretenimento uma especialização ainda maior, pois o que o turista busca é a excelência no atendimento.

Os turistas que aqui chegam fazem uma imersão diante das paisagens, vales, montanhas, serras e um extenso litoral envolto em mata nativa. Seja bem vindo.

Boas gargalhadas

Férias da criançada? Vamos ao Teatro? Em Criciúma, o Teatro Elias Angeloni apresenta neste domingo (23), às 16h, o espetáculo Hermanoteu na Terra de Godah, uma comédia hilária que vai te fazer dar boas gargalhadas. A história é bem interessante e vale a pena este momento cultural. Informe-se pelo @teatrodecriciuma

Considerado o maior do mundo

O maior Festival de Dança do mundo está acontecendo. A cidade de Joinville recebe turistas do mundo inteiro para prestigiar esse grande espetáculo da dança. Mais de 13 mil dançarinos estão participando desta mistura de emoção, alegria e realização de sonhos.

É a primeira vez que o festival foi citado no Guinness Book. A Noite de Gala acontece no domingo (23), às 19h, com o espetáculo Cinderella, da Escola do Teatro Bolshoi. A obra de balé neoclássico segue o roteiro clássico da história baseada nos contos de fadas, narrando a saga de uma jovem que tem a vida transformada quando um mago surge para ajudá-la a ir ao grande baile. O 40º Festival de Dança de Joinville segue até o dia 29 de julho no Centreventos Cau Hansen.

Eu & Você & Elas/Eles

A galeria de arte da Associação Empresarial de Criciúma (Acic) recebe até setembro as obras da artista Elke Hulse e o Grupo As Catarinas.  A Mostra Eu & Você & Elas/Eles reúne trabalhos em tapeçaria.

Na Acic, a artista dá uma mostra do seu trabalho em quatro tapeçarias, nas quais estão montagens de rostos.

O Grupo As Catarinas, formado por alunas e ex-alunas dos cursos de tapeçaria ministrados por Elke, também expõem retratos de rostos em preto, branco e cinza. A Mostra é aberta ao público.

Uma história que emociona

Está acontecendo na Biblioteca Pública de Santa Catarina a exposição “O dia que deu peixe”, de Sérgio Giron. A exposição fotográfica é uma narrativa visual que rememora e procura deixar vivo na história o dia em que mais peixes foram capturados em um lanço na praia do Campeche, em Florianópolis. Aproveite as férias e curta esse momento, você vai se emocionar.  A exposição tem o objetivo de preservar e de valorizar essa importante atividade pesqueira artesanal da cidade de Florianópolis. A exposição segue até segunda-feira (24), das 8h às 19h, com entrada gratuita.

Abrigo nuclear

Você curte cinema de ficção-científica? O Centro Integrado de Cultura de Florianópolis recebe de 24 a 30 de julho um dos maiores festivais de cinema de ficção-científica do país, com uma lista de mais de 75 filmes inéditos nas telas da capital.

Na mostra internacional competitiva de curtas-metragens, filmes de 28 países vão concorrer a diversas premiações. Representando o Brasil, haverá o grande clássico de ficção-científica “Abrigo Nuclear” (1981), de Roberto Pires, cineasta baiano de fundamental importância na cinematografia nacional. Pires produziu o primeiro longa-metragem de Glauber Rocha e foi o inventor da primeira lente cinemascope brasileira, a Igluscope.

Todo festival tem entrada gratuita, com projeções na Sala de Cinema Gilberto Gerlach, no CIC.

 Provocações criativas

Para quem gosta de uma boa leitura, o escritor Diogo Piovesan Medeiros fará uma noite de autógrafos e de conversação com o público que estiver no lançamento do seu livro “Provocações Criativas”. Será nesta terça-feira (25) na Associação Empresarial de Criciúma (ACIC), às 19h.

 

 

 

 

 

Foto: Freepik/Reprodução