24 de abril de 2024
TV Barriga Verde
Policial

Repórter da ESPN é assediada ao vivo; veja

A repórter da ESPN, Jéssica Dias, foi assediada ao vivo durante a cobertura do jogo do Flamengo na semifinal da Copa Libertadores da América. Enquanto ela falava com os apresentadores do estúdio, o torcedor Marcelo Benevides Silva, acompanhado por seu filho de 17 anos, deu um beijo no rosto de Jéssica, sem o consentimento dela.

Pelo seu Instagram, a jornalista  desabafou e disse que, muito mais do que foi visto pelos espectadores, o assédio começou antes da cena ao vivo. “Foi só um beijinho no rosto. Não. Não foi. Eu sofri importunação sexual, e isso é crime.”

Após prestar depoimento na delegacia do Maracanã, o torcedor do Flamengo que assediou a repórter passou por um julgamento no Juizado Especial Criminal, Jecrim, do estádio e, após audiência de custódia, teve prisão preventiva decretada.

Marcelo Benevides Silva, está na companhia de um filho de 17 anos, e a ESPN e os advogados do Flamengo se colocaram à disposição para dar toda assistência ao jovem durante o período. Eles são moradores de Rio Bonito, no interior do Rio de Janeiro.

Jéssica já prestou depoimento e foi acompanhada pelo seu pai na delegacia, além de contar como apoio do sue cinegrafista e de outro jornalista que estava no local.

Confira o momento:

Policial

Policial

Policial

Policial

Policial

Policial