13 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Paulo Chagas

Santa Catarina reforça operações de resgate às vítimas das enchentes no RS

As novas estruturas vão reforçar nas operações de socorro às vítimas das enchentes / Fotos: Secretaria da Proteção e Defesa Civil de Santa Catarina

O Estado de Santa Catarina foi o primeiro a estender a mão aos vizinhos gaúchos diante da magnitude da tragédia climática. O Governo não está medindo esforços no suporte ao Rio Grande do Sul. Nesta quarta-feira (8) reforçou ainda mais o gerenciamento das operações de resgate às vítimas das enchentes através da disponibilização do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) de um Auto Posto Comando (APC), que já está no estado gaúcho e será utilizado no município de Lajeado. Além disso, uma unidade móvel se soma ao Posto de Comando Móvel, da Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil (SDC), que está instalado em Porto Alegre. As estruturas contribuem com o planejamento das operações de socorro e toda logística necessária para uma resposta mais otimizada. Esses equipamentos foram para o Rio Grande do Sul para agregar ao trabalho que vem sendo realizado pelas Forças de Santa Catarina que estão atuando na região, e terá um papel fundamental, no monitorando e das condições da Operação.

Envio de água

Outro reforço vem da Casan, com o envio de água aos moradores afetados pela tragédia no Rio Grande do Sul. Foram 72 mil litros de água tratada para ser levada ao estado vizinho pelo Exército. Ao todo, foram enchidos pelo menos nove caminhões-pipa do 28º Grupo de Artilharia de Campanha do Exército em Criciúma na manhã desta quarta-feira, 8. A doação servirá para suprir necessidades emergenciais em locais onde o tratamento ainda não está totalmente normalizado.

Governador faz apelo para que caminhões não sejam multados

Foto: Reprodução / Site Antagonista

Em meio às fake news, há também algumas verdades. O próprio governador Jorginho Mello (PL) veio à público através das redes sociais para lamentar a ocorrência de multas a caminhões carregados com doações ao Rio Grande do Sul. Ele fez um apelo para que não multem. Ele desmentiu o que chamaram de notícias falsas. O pedido foi feito após saber do servidor da Defesa Civil de Florianópolis, Samuel Vidal, que recebeu notificação por parte do órgão federal durante o transporte de doações aos irmãos gaúchos. O Governador disse compreender a importância das regulamentações e reconheço a responsabilidade dos servidores em cumpri-las. Mas neste momento crítico, é preciso haver bom senso. “Nenhuma norma deve sobrepor-se à missão fundamental de todo agente público: ajudar as pessoas”, afirmou.

Por outro lado

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) admitiu que foram aplicadas multas a caminhões que transportavam donativos às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. Os responsáveis disseram que houve sim alguns casos pontuais e afirmaram que essas multas serão anuladas. Além disso, a Agência publicou uma portaria na qual dispensa os procedimentos regulares de fiscalização para os veículos de transporte de cargas carregados com donativos destinados ao Rio Grande do Sul, a partir da “simples declaração verbal do motorista”. Uma reportagem do SBT também denunciou o fato das multas. Antes das revelações contundentes, a questão das denúncias foi apontada como sendo “fake news”. (Fonte: Gazeta do Povo).

Podemos anuncia pré-candidato em Blumenau

Podemos terá candidato a prefeito em Blumenau / Foto: divulgação

Em decisão tomada de forma unânime durante reunião coordenada pela presidente estadual do partido, a deputada estadual Paulinha, e ao lado do deputado estadual Lucas Neves, juntamente com os pré-candidatos a vereador e a Executiva Municipal do Podemos, o nome de Ricardo Alba foi oficializado na terça-feira, 7, como o pré-candidato do Podemos para prefeito em Blumenau. Alba foi eleito vereador de Blumenau em 2016 e dois anos depois foi o deputado estadual mais votado em Santa Catarina. Em 2020, concorreu a prefeito pela primeira vez e somou 17.487 votos. Candidato a deputado federal em 2022, ficou com a primeira suplência com 48.904 votos, sendo 19.561 mil apenas em Blumenau. A partir de agora, o Podemos começa as conversas com os demais partidos para composição de uma chapa para disputar a eleição majoritária em outubro.

Professores suspendem greve

A decisão foi tomada em assembleia na tarde desta quarta-feira (8), em Florianópolis, depois de 15 dias de paralisação. Porém, as lideranças do movimento afirmam que a suspensão se dará por 60 dias. Nesse período esperam que o Governo atenda as demandas exigidas pela categoria. Também nesta semana, o Governo do Estado divulgou uma nota oficial reiterando algumas propostas. Entre elas, a antecipação do aumento do vale alimentação para R$ 25 por dia já em novembro de 2024; a aplicação de 1/3 da hora-atividade a partir de 2025; o lançamento de edital do concurso público da Educação em junho de 2024, com chamamento dos professores e profissionais aprovados a partir de 2025, e ainda prometeu fazer estudos para avaliação de impactos, por grupo técnico das secretarias de Educação, Administração e Fazenda, para a descompactação da tabela salarial. Por fim, conforme as lideranças do sindicato dos professores, as propostas apresentadas pelo governo ainda não satisfazem a categoria. Não haverá também demissão e nem desconta das horas da paralização, por determinação da Justiça.