23 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Esportes

Surfistas catarinenses são destaque no Layback Pro da praia Mole nesse domingo

Tainá Hinckel, Laura Raupp e Heitor Mueller garantem classificação para o Challenger Series

Foram definidos na manhã desse domingo (10) os campeões de 2024 da etapa do Layback Pro 2024, que terminou com o título da atleta olímpica Tainá Hinckel na categoria feminina e Lucas Silveira na competição masculina. A surfista do bairro do Rio Tavares, Laura Raupp, foi a vice-campeã da competição internacional e de quebra garantiu a vaga para o Challenger de 2024, competição que vale vaga na divisão de elite da World Surf League de 2025.

Confira a reportagem do Jogo Aberto SC

A manhã começou com a disputa das semifinais femininas quando Tainá Hinckel eliminou a peruana Daniella Rosas e se garantiu na decisão logo nas primeira horas da manhã. Logo em seguida, vitória de Laura Raupp sobre a também peruana Arena Rodriguez Vargas.

 

A grande final foi extremamente equilibrada entre Laura Raupp e Tainá Hinckel. A surfista de Florianópolis em determinado momento esteve na frente da adversária da Guarda do Embaú, porém acabou sofrendo a virada já na reta final da bateria de 35 minutos, ficando com o vice-campeonato.

“Estou muito feliz de ter conseguido essa classificação para o Challenger, que na verdade era o grande objetivo desta participação aqui no Layback Pro da Praia Mole. Eu tenho uma grande identificação com esta praia porque foi aqui que eu ganhei o meu primeiro QS com apenas 15 anos em 2021, então certamente é um lugar especial para mim e me sinto em casa surfando aqui” afirmou a vice-campeã Laura Raupp.

“Agora eu tenho mais duas etapas aqui no Brasil, uma em Torres e uma em Saquarema. Então é procurar ir bem para depois seguir para a Austrália e fazer essa estreia tão esperada e tão batalhada que é para estar no calendário do Challenger” complementa Laura.

Masculino

Nas semifinais masculina, na primeira bateria da manhã de domingo (10), Heitor Mueller eliminou Michael Rodrigues e avançou a decisão para enfrentar Lucas Silveira, que foi o vencedor da segunda bateria diante de Mateus Herdy.

Assim como na competição da categoria feminina, a final masculina foi extremamente acirrada e no final Lucas Silveira sagrou-se campeão em uma Praia Mole lotada. Nascido no Rio de Janeiro mas residente de Florianópolis a 17 anos, o atleta celebrou a conquista e também a classificação pro Challenger de 2024.

“É um sonho ganhar um campeonato deste em casa, eu estava bastante pressionando precisando de um resultado porque era a última oportunidade que eu tinha para me classificar por título. Ainda bem que deu tudo certo porque veio o título e a classificação. Com certeza Florianópolis é uma base muito importante do esporte, principalmente do skate e surf e a Layback tem grande participação nisso e que venham muitos e muitos outros talentos em competições como esta”, falou o campeão do Layback Pro de 2024.

 

Foto: Allan Carvalho