21 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Esportes

Suspenso pelo COB, Wallace consegue liminar para atuar na Superliga de vôlei

Atleta suspenso pelo Comitê Olímpico Brasileiro por post sugerindo tiros no presidente Lula está à disposição para a reta final da competição

O oposto do Cruzeiro Wallace Souza está à disposição da equipe na reta final da Superliga. O jogador, suspenso pelo Comitê Olímpico Brasileiro por enquete sobre tiros ao presidente Lula nas redes sociais, conseguiu uma liminar que reverte a punição no Superior Tribunal de Justiça Desportiva do vôlei nesta quarta-feira (12). Com isso, ele está liberado para atuar na competição.

A decisão é do presidente em exercício do STJD do vôlei, Eduardo Affonso de Santis Mendes de Farias Mello. O mandatário atendeu o pedido da defesa do jogador que argumentou que a suspensão imposta pelo COB “deixou dúvidas acerca da punição no âmbito das competições nacionais”.

“Não vejo como afirmar que a participação do atleta por uma equipe, em competição organizada pela CBV, poderia ser entendida como função junto à Confederação, até porque seu vínculo é diretamente com o Clube. Além disso, em um tema de maior complexidade, e que deverá ser analisado oportunamente em julgamento de mérito, temos o princípio da autonomia constitucional que afeta as confederações desportivas brasileiras, tal qual a CBV”, disse o presidente, em sua decisão.

 

Mesmo com a liberação, a liminar concedida a Wallace é provisória, e ainda será julgada pelo colegiado do STJD do vôlei. O presidente Eduardo Mello concedeu o recurso baseado em dois princípios do direito esportivo: “perigo da demora” e “fumaça do bom direito”.

O Cruzeiro encara o São José dos Campos neste sábado (15), às 21h, pela série semifinal da Superliga. Mais cedo, às 18h30, o Minas Tênis Clube enfrenta o Suzano.

Fonte: Band
Foto: Instagram / Reprodução