23 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Policial

‘Terror digital’: investigado é preso por auxílio ao suicídio e outros crimes

Investigação busca identificar membros de servidores de práticas macabras e criminosas

Uma pessoa foi presa na manhã desta quarta-feira (13) pela prática de incitação e apologia ao crime, auxílio ao suicídio e à automutilação e maus tratos a animais. O mandado foi expedido pela Vara Criminal de Imbituba, no Litoral Sul de Santa Catarina, no âmbito de uma investigação que corre em sigilo na 2ª Promotoria de Justiça de Imbituba.

A prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão foram cumpridos pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), com apoio do CyberGAECO, nos municípios de Imbituba e Itajaí, no Litoral Norte. As investigações no Ministério Público de Santa Catarina iniciaram a partir de buscas ativas e recebimento de informações do Ciberlab do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

As investigações sigilosas são acerca de práticas criminosas no contexto digital, em que jovens, em perfis que acreditam ser totalmente anônimos, buscam reconhecimento e idolatria de seguidores em fóruns e servidores, através de transmissões ao vivo de práticas de autolesão, instigação ao suicídio, extirpação de animais domésticos e atos ofensivos à dignidade sexual. Essas atividades são comumente associadas a extorsão e ameaças de divulgação de imagens íntimas das vítimas.

 

Duas das vítimas que se encontravam sob domínio psicológico e coercitivo do investigado foram identificadas e poderão receber suporte na área da saúde

 

Alerta para sinais de violência

Os integrantes do CyberGAECO alertam para a importância dos pais estarem presentes na vida dos filhos para avaliação de suas integridades físicas, uma vez que é comum a realização de agressões ao próprio corpo no início do estado de dominação psicológica, principalmente nos membros inferiores ou na região peitoral – com lesões que fazem referência ao pseudônimo ou a símbolo utilizado pelo administrador do canal, grupo ou servidor.

 

CyberGAECO

O CyberGAECO é uma força-tarefa especializada formada por integrantes do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), da Polícia Civil, da Polícia Militar, da Polícia Penal e do Corpo de Bombeiros Militar para o combate e enfrentamento de delitos praticados em ambientes virtuais.

 

Foto: Divulgação/Freepik