23 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Educação

Universidades de SC flexibilizam aulas após bloqueios nas rodovias

Várias universidades, em todo o Estado, precisaram recorrer às aulas remotas ou cancelar as atividades, após o grande número de alunos que não conseguiram chegar até as instituições

Como consequência dos bloqueios realizados desde a madrugada de domingo (30), e em todo o dia desta segunda-feira (31), algumas universidades de Santa Catarina estão suspendendo as aulas ou orientando os alunos sobre as formas de justificar as faltas.

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), não cancelou as aulas, porém, a Pró-reitoria de Graduação e Educação Básica (Prograd) orienta que “os docentes sejam flexíveis com a frequência e horário de chegada dos estudantes e eventuais avaliações de disciplinas”.

Confira a nota completa:

“Em razão de bloqueios em rodovias de Santa Catarina, realizados por caminhoneiros, que causam dificuldades de acesso dos estudantes e servidores aos campi da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a Pró-reitoria de Graduação e Educação Básica (Prograd) orienta os docentes a serem flexíveis com a frequência e horário de chegada dos estudantes e eventuais avaliações de disciplinas.

A Administração Central tomou conhecimento da interdição de rodovias federais por meio da Imprensa, e mantém contato com as autoridades responsáveis, confiante de que brevemente seja retomada a normalidade das atividades no Estado e no País, para o pleno exercício das liberdades democráticas”.

A Udesc, em Joinville, já informou que as aulas foram canceladas durante a tarde e noite, e que as aulas poderão ser realizadas de forma remota, se houver condições.

Confira a nota completa:

“Devido aos bloqueios de estradas nas proximidades da cidade de Joinville e visando a segurança dos alunos e servidores, a Direção Geral da Udesc Joinville/CCT informa que estão suspensas as aulas previstas para hoje (31/10) nos períodos da tarde e noite.   As aulas poderão ser realizadas de forma remota, se houver condições. As faltas ocorridas nas aulas de hoje deverão ser abonadas.

A Direção Geral aguarda novas informações das autoridades de trânsito e de segurança para deliberar sobre a continuidade ou não dessa suspensão”.

A Univali, em Itajaí, informou que “todas aulas desta segunda-feira (31) serão remotas”.

A Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), informou que as aulas devem acontecer, mas que os alunos que faltarem devem justificar. “Quem está indo de carro é para enviar fotos, junto de uma declaração, por e-mail, para a Diretoria Acadêmica (DAC). Para quem usa de transporte coletivo ou intermunicipal, a universidade pede que solicitem que as empresas de transporte realizem uma declaração, e que ela seja encaminhada para a DAC, também por e-mail. As aulas devem ocorrer de forma remota, e em caso de avaliações, podem ser adiadas”.

A UCEFF informou que “foi decidido que cada coordenador fará a gestão analisando caso a caso para verificar a disponibilidade dos estudantes em participar presencialmente da aula, em todas as unidades: Chapecó (Central e Palmital), Itapiranga, Frederico Westphalen e São Miguel do Oeste.

A Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS) informou que cada um dos seis campis tem autonomia para decidir sobre a realização das aulas ou flexibilização.

Confira a nota completa:

Em função das mobilizações que estão ocorrendo desde ontem, dia 30 de outubro de 2022, e que têm provocado o trancamento de estradas em algumas regiões em que os campi da UFFS estão instalados, cada um dos seis campi da Universidade, no uso de sua autonomia, organizou as aulas para o dia 31 de outubro, da seguinte forma:

  • Campus Cerro Largo (RS): aulas presenciais mantidas;
  • Campus Chapecó (SC): aulas presenciais mantidas. Caso algum estudante não consiga se deslocar ao campus por este motivo, serão avaliadas alternativas de reposição posteriormente;
  • Campus Erechim (RS): aulas presenciais suspensas. Os docentes poderão realizar aulas via Webex, síncrona ou assíncrona;
  • Campus Laranjeiras do Sul (PR): aulas presenciais suspensas. Os docentes poderão realizar aulas via Webex, síncrona ou assíncrona;
  • Campus Passo Fundo (RS): aulas presenciais mantidas;
  • Campus Realeza (PR): aulas presenciais suspensas. Os docentes poderão realizar aulas via Webex, síncrona ou assíncrona.