25 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Economia

A duas semanas da páscoa, chocolates têm redução de preço em Florianópolis

Procon da Capital realizou pesquisas de preço no início e metade do mês em mercados da cidade

Nas últimas duas semanas, grande parte dos chocolates à venda para a páscoa nos mercados de Florianópolis sofreram uma queda no preço. O dado foi divulgado pelo Procon da Capital nesta quarta-feira (20), que realizou duas pesquisas de preços sobre 45 produtos em oito estabelecimentos nos dias 4 e 5 de março e também na última segunda-feira (18), e identificou uma variação significativa em chocolates de diferentes mercados.

Entre os chocolates que apresentaram uma redução no preço estão o Ovo de Páscoa Lacta Sonho de Valsa, de 277 gramas, que estava sendo comercializado por, em média, R$57,44, e passou a custar R$50,58. Uma diferença de R$6,86. Já o mesmo chocolate de 357 gramas passou a custar R$59,44, sofrendo uma redução de R$6,44.

O Ovo de Páscoa Lacta Favoritos, de 560 gramas, também teve seu valor médio reduzido, passando de R$100,93 para R$94,23.

 

Por outro lado, o Ovo de Páscoa Crocante da marca Garoto foi o produto que mais subiu de preço nos mercados de Florianópolis. O chocolate de 227 gramas era vendido a R$ 39,15 e teve um aumento de R$ 2,50, custando agora R$ 41,65.

 

Logo atrás vem o bombom de avelã Ferrero Rocher. A caixa de 300 gramas do chocolate era vendida em média por R$ 80,54 na primeira etapa da pesquisa, e agora está sendo encontrada por R$82,75.

O diretor do Procon Municipal de Florianópolis, Alexandre Farias Luz, diz que esta pesquisa possibilita que os consumidores encontrem os melhores locais para comprar seus chocolates e ovos de páscoa. “Nosso objetivo como órgão defensor e fiscalizador é demonstrar à população as alterações de preço dos chocolates que ocorrem próximas da páscoa. Neste ano, pudemos observar a redução significativa que ocorreu nos estabelecimentos. Por isso, ressaltamos a importância de sempre pesquisar antes de comprar os itens desejados.”

“Diante desses resultados, o Procon Municipal reafirma seu compromisso com a transparência e a defesa dos direitos dos consumidores, trabalhando para garantir que todos tenham acesso a produtos de qualidade a preços justos”, comenta o secretário de Governo de Florianópolis, André Alves.

 

Foto: PMF/Divulgação