19 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Cláudio Prisco

Delegada pede mais prazo para concluir inquérito de Silvinei

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Delegada federal que assumiu o caso de Silvinei Vasques, preso político na Papuda, pediu mais 30 dias para conclusão do inquérito do qual ele é alvo.

O prazo estabelecido por Alexandre já venceu. Se, por um lado, os argumentos dela fazem sentido, pois precisa tomar pé da situação, por outro o pedido segue penalizando alguém preso injustamente sem ter sequer um inquérito concluído contra ele.

 

Vasques não pode pagar mais pela incompetência do delegado anterior, que ficou nove meses sentado em cima do inquérito e não concluiu absolutamente nada, e seguir preso por trocas de delegados que não conseguem fazer o básico de seus deveres como policiais.

A defesa, obviamente, está entrando com novo pedido de soltura do ex-diretor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que antes de ser detido arbitrariamente morava em São José, na Grande Florianópolis.

> Ex-diretor-geral da PRF, Silvinei Vasques é preso em Florianópolis pela Polícia Federal