19 de junho de 2024
TVBV ONLINE
Ocorrência

Fumaça de incêndios do Canadá já chega à Europa

País tem mais de 400 focos de incêndios florestais ativos, do leste ao oeste do território
e consequências das queimadas já são sentidas em outras nações

Após cidades estadunidenses, como Nova York, registrarem grande volume de fumaça oriunda dos incêndios que ocorrem no Canadá, o Instituto Norueguês de Pesquisa Climática e Ambiental (NILU) informou na última sexta-feira (9) que a fumaça percorreu o Oceano Atlântico e chegou à Noruega.

Mesmo a milhares de quilômetros do fogo, desde o início da semana a Noruega tem identificado partículas de fumaça: Birkenes, na região sul do país, é o local mais afetado, de acordo com um dos pesquisadores do instituto, Nikolaos Evangeliou, entrevistado pela agência de notícias AFP. Ele afirma, no entanto, que a chegada da fumaça não representa riscos à saúde da população.

O fogo no Canadá começou em maio, com focos de incêndio na província de Quebec, e já devastou 3,8 milhões de hectares no país. Estes números são bem acima da média considerando os dados das últimas décadas. Autoridades canadenses alegam que esta pode ser a pior temporada de incêndios florestais da história do país, influenciada pelo tempo seco e quente enfrentado pelo Canadá. Apesar da grave situação, o Grande Prêmio da Fórmula 1 no Canadá está confirmado para acontecer entre os dias 16 e 18 de junho.

 

Com informações da Band
Foto: Reprodução