24 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Ocorrência

Joinville decreta Situação de Emergência após acidente com vazamento de produto tóxico

Águas de Joinville pede que população economize água; reservatórios estão em média de 50% da capacidade

A Prefeitura de Joinville decretou Situação de Emergência na manhã desta segunda-feira (29) em função do acidente envolvendo um caminhão carregado com produto químico tóxico que vazou para o Rio Cubatão na Serra Dona Francisca.

A Companhia Águas de Joinville alerta para a necessidade de economizar água na cidade, uma vez que a captação de água na Estação de Tratamento (ETA) do Cubatão foi totalmente fechada às 10h. O fechamento ocorreu para que o local não receba água com resíduos de ácido sulfônico provenientes do acidente.

Técnicos da Companhia Águas de Joinville realizam análises constantes para garantir que não há resquícios do produto químico. A empresa constatou que os níveis dos reservatórios estão baixando rapidamente. Por volta das 10h30, o nível dos reservatórios estava em média de 50%, o suficiente para quatro horas de consumo.

 

A suspenção do abastecimento de água tem como objetivo garantir a segurança dos consumidores e pode ocasionar falta de água nos bairros Adhemar Garcia, América, Anita Garibaldi, Atiradores, Aventureiro, Bom Retiro, Boa Vista, Bucarein, Centro, Comasa, Costa e Silva, Distrito Industrial Norte, Dona Francisca, Espinheiros, Fátima, Floresta, Glória, Guanabara, Iririú, Itaum, Jardim Paraíso, Jardim Iririú, Jardim Sofia, Jarivatuba, João Costa, Paranaguamirim, Parque Guarani, Petrópolis, Pirabeiraba, Rio Bonito, Saguaçu, Santo Antônio, Ulysses Guimarães e Vila Cubatão.

 

Lideranças da Prefeitura, Águas de Joinville e Forças de Segurança da cidade estão reunidas em um Gabinete de Crise para acompanhar a situação. O prefeito Adriano Silva sobrevoou o local com o helicóptero Águia, da Polícia Militar, e constatou que o produto avança com velocidade pelas águas da região.

“Estamos agindo rapidamente e tomando todos os cuidados para garantir a segurança de todos, mas é necessário que a população colabore, economize água e evite o desperdício”, afirma o prefeito.

 

Fotos: Prefeitura de Joinville