12 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Economia

Porto de Itajaí tem intensa movimentação de vergalhões de ferro e carros importados

Além das cargas, turistas de navios de cruzeiro devem movimentar R$ 60 milhões até abril

O Porto de Itajaí iniciou janeiro com uma intensa movimentação de carga geral. Segundo a Prefeitura Municipal, em todas as semanas do mês foram registradas duplas e triplas atracações de navios. As principais cargas movimentadas em 2024 são de vergalhões de ferro perfilados e veículos importados. Além disso, o terminal tem recebido semanalmente atracações de navios de cruzeiro.

O navio Trammo Stanton, com bandeira da Libéria, foi um dos que operaram no Porto de Itajaí este ano. A embarcação chegou no dia 11 de janeiro e movimentou 25 mil toneladas de vergalhões de ferro perfilados. Ainda não há data para a desatracação.

Outra embarcação que movimentou vergalhões de ferro no Porto de Itajaí foi a Weko Karoline, do Panamá. O cargueiro ficou 21 dias no terminal, movimentou quase 35 mil toneladas da carga e desatracou em 17 de janeiro.

 

Operações do tipo Roll On Roll Off para desembarque de veículos importados também já ocorreram neste ano. Em 18 de janeiro, o navio Florida High, do Panamá, trouxe a bordo 757 veículos das montadoras General Motors (GM) e BMW. O peso total desta carga foi de 1,5 mil toneladas.

Com esta atracação, o terminal chegou à marca de 26 operações com veículos importados, desde a retomada em 2022. Até o momento, há um acumulado de 19.261 unidades, com 36.384,648 toneladas movimentadas.

Temporada de cruzeiros

Também contabilizada como operação de carga geral, a atracação de cruzeiros marítimos no Porto ocorrerá 12 vezes até o fim de janeiro. A temporada 2023/2024 é a maior da história de Itajaí, com 42 escalas de transatlânticos previstas até abril. A estimativa é de que 110 mil turistas de cruzeiros passem pela cidade no período e movimentem mais de R$ 60 milhões.

“Este é um ano de recuperação para o Porto de Itajaí. Será o ano em que teremos que superar obstáculos e estamos muito otimistas com o que está por vir. Com base nas operações de carga geral, estamos trabalhando diariamente com navios de diversos modais. Olhando para os próximos meses, esperamos consolidar ainda mais essas operações, que somadas com as cargas de contêineres, que brevemente retornarão ao Porto, vão trazer novamente uma grande distribuição de emprego e renda para a nossa cidade e região”, comenta o superintendente do Porto de Itajaí, Fábio da Veiga.

Mais de 27 mil chamados aos trabalhadores portuários em 2023

A empresa SC Portos é responsável pelas operações com carga geral no Porto de Itajaí. A organização conta com a colaboração dos TPA’s (Trabalhadores Portuários Avulsos). Estes profissionais prestam serviços em quatro turnos para garantir que as atividades portuárias ocorram de maneira produtiva e adequada.

Segundo a diretoria da SC Portos, apenas em 2023, foram abertos mais de 27 mil chamados junto aos trabalhadores portuários. A ação resultou em um índice mensal de até 2 mil trabalhadores com atuação em diversas operações de carga geral no Porto de Itajaí.

No ano passado, o Porto de Itajaí teve um desempenho equilibrado em relação às cargas gerais. Entre as movimentações, estão cargas de celulose, Roll on Roll Off (desembarque de veículos importados), barras de ferro, vergalhões perfilados, bobinas de aço, açúcar, fertilizantes e o registro de atracações de cruzeiros marítimos.

 

Fotos: PMI/Divulgação