23 de julho de 2024
TVBV ONLINE
Saúde

Mais de 61% dos pontos estão próprios para banho nas praias de SC

Dados das coletas realizadas nesta semana são divulgados pelo IMA

As praias de Santa Catarina têm 61,76% dos pontos próprios para banho. É o que aponta o relatório de balneabilidade do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) divulgado nesta sexta-feira (19), com as informações consolidadas das coletas realizadas na semana de 15 a 19 de janeiro.

De acordo com as amostras coletadas nos 238 pontos monitorados pelo Instituto, 147 estão próprios para banho. Os pontos impróprios para banho se concentram em praias das cidades de São Francisco do Sul, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Penha, Itajaí, Balneário Camboriú, Porto Belo, Governador Celso Ramos e Balneário Arroio do Silva.

mapa completo de praias e informações sobre a qualidade da água atualizadas automaticamente pode ser conferido no site do IMA. Basta clicar nas bandeirinhas que aparecem no mapa ou conferir o menu histórico do ponto desejado.

 

Em Florianópolis, dos 87 pontos, 57 estão adequados para banho, o que equivale a 65,52%. Os pontos com balneabilidade imprópria para banho na Capital se concentram nas praias do Continente, Baía Sul, Beira-Mar Norte, Lagoa da Conceição, Canasvieiras e próximo a rios e córregos.

Método de análise

O Programa de Monitoramento da Balneabilidade do IMA contempla 28 municípios litorâneos e mais de 100 praias e balneários do Sul ao Norte de Santa Catarina. As amostras são analisadas pelo método fluorogênico, que consiste na quantificação dos coliformes totais e a bactéria Escherichia coli.

O ponto é considerado próprio para banho quando em 80% ou mais de um conjunto de amostras coletadas nas últimas cinco semanas, no mesmo local, houver no máximo 800 Escherichia coli por 100 mililitros. O ponto é considerado impróprio para banho quando em mais de 20% de um conjunto de amostras coletadas nas cinco semanas anteriores, no mesmo local, for superior a 800 Escherichia coli por 100 mililitros ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2000 Escherichia coli por 100 mililitros.

 

Foto: Eduardo Valente / GOVSC